Ortodontia infantil

A maloclusão é considerada pela Organização Mundial da Saúde o terceiro problema odontológico de saúde pública. Por isso cabe ao Odontopediatra  diagnosticar e intervir o mais precocemente possível, prevenindo o estabelecimento de alterações mais graves no sistema estomatognático em desenvolvimento.

 

 Hábitos como chupeta e sucção de dedo de forma prolongada, são os maiores causadores de alterações ósseas na infância. Além disso, a respiração bucal, comum em muitas crianças, potencializam esses defeitos. Uma vez adquiridas, elas devem ser corrigidas com o uso de aparelho ou pistas ainda enquanto houver os dentes de leite, já que o osso é que será prejudicado durante o crescimento.